Atazanavir

Atazanavir
molécula de atazanavir

Classe

Inibidor da Protease

Como funciona

O Atazanavir é um inibidor da protease potente e extremamente seguro, sem a maior parte dos efeitos adversos e danosos que eram vistos com os antigos medicamentos desta mesma classe.

Foi aprovado em 2004 na união europeia, onde as recomendações são que seja usado Atazanavir 300mg + Ritonavir 100mg.

Nos Estados Unidos foi aprovado em 2003, sem restrições em sua utilização. A dose usada é 400mg em virgens de tratamento e 300mg + ritonavir 100mg para pacientes experimentados.  Uma vez ao dia.
É o único inibidor da protease atual que permite dosagem sem o ritonavir em certos casos, principalmente sem a presença de Tenofovir, o qual diminui os níveis de Atazanavir.

Efeitos Colaterais

Hiperbilirubinemia é o efeito adverso mais comum deste medicamento. É o famoso amarelento dos olhos que alguns pacientes acabam notando, que é chamado de icterícia.

No caso do Atazanavir, este efeito não é indicativo de problemas hepáticos, é um efeito benigno e não parece causar quaisquer problemas clínicos.
Mas 5% das pessoas que tomam o medicamento acabam desenvolvendo este amarelento nos olhos, e se sentem psicologicamente perturbados.

Muitas vezes é difícil encontrar histórias para combater as perguntas do início do tratamento para o HIV. Mas ainda assim, pouquíssimas pessoas desistem de tomar Atazanavir por conta deste efeito colateral que muitas vezes acaba se resolvendo em algumas semanas, outras acham que não é tão aparente, e a maioria não nota absolutamente nada.

Causa lipodistrofia?

Muito provavelmente jamais causará lipodistrofia nas pessoas que o tomam, pois possui um dos melhore s perfis lipídios da classe dos inibidores de protease.

Na verdade, pode até mesmo reverter casos de disfunção lipídica causados pelo uso de outros inibidores de protease. Tem vantagens lipídios até mesmo em relação ao Efavirenz, um ITRNN.

 

http://www.anvisa.gov.br/datavisa/fila_bula/frmVisualizarBula.asp?pNuTransacao=8642532015&pIdAnexo=2873500

http://www.aidsmap.com/Side-effects/page/1730886/