Lamivudina

Classe

Inibidor da Transcriptase Reversa Análoga de Nucleosídeo

Eficácia

É eficaz no tratamento do HIV quando combinado com outros dois componentes, não deve ser usado em sonoterapia em face ao surgimento de resistência.

No Brasil

A Lamivudina é usada em praticamente todos os esquemas terapêuticos, principalmente por três motivos:

  1. É o antirretroviral com a menor toxicidade existente;
  2. Parece reduzir o fitness viral mesmo depois de apresentar resistência;
  3. É um fármaco barato, pois está fora de patentes;

Consultas:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Lamivudina

http://www2.far.fiocruz.br/farmanguinhos/images/Fumarato%20de%20Tenofovir%20Desoproxila%20Lamivud_profissionais.pdf